domingo, 28 de dezembro de 2014


Quero fazer amor com seu amor e deixar de ser 
segredo
Ser o tempero de seus desejos e completar seu 
paladar
Possuir seu ser e ser seu por inteiro
Estar por entre suas coxas e ser tão delicioso e 
verdadeiro
Quero a magia de seus deliciosos beijos percorrendo 
meu corpo
O queijo e a goiabada em um encontro doce de Romeu 
em você Julieta
Saborear o doce de seu gozar que estremece seu corpo
Ser tua inspiração ao te tocar macio e forte eriçando 
seus mamilos
Segurar seu corpo e pressionar seus sentidos ao tocar 
seu útero onde nasce o prazer
Escorrer inundando seu paraíso e te fazer completa
felicidade
Sentir seu gemido em sentir meu tato em sua busca
Orvalhar em seu ventre com o quente mar de meu 
sêmen
E ter seu amor umedecendo e impregnado em meu ser 
homem
Sentir e sentir o viver de seu amor
O abraço que me envolve ao beijar em um encontro de 
nossas
bocas secar e deliciadas
Ávidos em amar incondicionalmente sem pudores
Mulher que faz do mundo a perfeição de suas curvas
Delicadeza e lascividade que fez do paraíso a realidade
Buscar o amor insano em todo prazer de sentirmos a 
paixão
exacerbada que me faz querer você






Helio Ramos de Oliveira

www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

sábado, 27 de dezembro de 2014


Supremacia dos encantos em tela e óleo
A pintura escorrida de sua silhueta repousando
Meu corpo espalhado em seus lençóis
Seu ser encantado de prazer abraçando o meu
Pulsa forte o coração estigmatizado pelo puro prazer
Fonte inesgotável de alegria e satisfação
Suavidade do artista que revela o encontro
Lascivo o conjunto que se fez em amor e sexo
Longe vida marcada pelos pinceis em tinta
Sabor do prazer inesgotável da aventura em amar
Casual encontro do pincel que penetra a tinta
Tantas cores...
Reluz o gozo delicado porem forte
O rebolar do pincel espalhando a essência floral
O aroma de sedução formatando a pintura
Absoluta malemolência da condução
Transformando o belo em eterno prazer
Lindo é a arte que enfeita a poesia
Deixar os traços e marcas com aroma de prazer
Perfeição desta gravura que mistura arte e sedução
Magia do enredo tão profundo que faz da arte seu 
prazer
Orgasmo é mais que fluido é o grunhido ao gemer
Possibilitando que o mais insólito aconteça
Ser a arte do artista o prazer de descrever
Poesia





Helio Ramos de Oliveira

www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

Esbaldar-te de meu sexo
Beijos que te fazem mulher completamente
Nuances de todos os seus desejos expostos na carne
Servir meu membro ereto e latente
Liberdade do amor em pura fantasia que faz 
incandescer a alma
Cortejar-te com a ponta da língua passeando em seus 
lábios
Linguagem de nosso amor segurança dos sentidos
Linda mulher que ilumina o dia ensolarado e quente
Com sua ginga de sedução marcas de seu corpo
Seus contornos desenhados por Afrodite significado 
de sua existência
Caminhar imponente com seu olhar felino que desperta 
imaginação
Encantamentos lançados no ar das intenções
Arrebatadora fragrância do perfume de sua 
sensualidade
Feromônio que emana de seu ser recheados de 
prazeres e intenções
Envolta no vento que faz bailar seus cabelos soltos
Evocar seu espirito em uma aventura casual
Um transe que desperta a libido
Eclosão dos mais puros e prazerosos sentidos
O gozo explodindo fazendo da pele rubra e quente
Servido em cálice de flor de seu jardim
Maravilhoso é o instante desta cumplicidade
Voar no espaço repleto de vaidade
Fazer do amor à nobreza dos sentidos
Romance que nasce do encontro das paixões
Cavalgar em seu corpo deitado em nosso ninho
Completar sua vulva quente que saboreia cada estocada
Verossímil amor que se faz em nosso coito
Acariciar-te os mamilos ao penetrar suas formas
Ver ser corpo entregue e seus dedos rasgar o véu
Estaremos únicos em doses de nosso estrondoso gozar
Uma entidade de amor que faz se concretizar os 
sonhos
Amar... Amar... Amor
Condescendente e pleno
Coadjuvantes em nosso ensaio do viver eterno



Helio Ramos de Oliveira
www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

Repleto de vibrações de um prazer enlouquecido e 
lascivo
Por entre nossos lábios línguas se contorcem em busca 
do sentido
Morder o corpo em uma volúpia em resposta do total 
prazer
Querer e mais querer...
Alimentando um ao outro em sua febril e tempestiva 
dança
Acariciar em todos os cantos apossando do sentir
Tato, olfato, paladar, audição do sussurro, gemido, 
urro, pranto sorriso outros tantos.
Em brasa nossos corpos se correspondem degustando os
momentos
Sã...
Encontrar-se em amor e devaneios
Estar ao ponto e entregue aos desejos em prazeres
Mulher menina que se entorpece domais pleno amor
Escrever por entre suas entrelinhas é amar...
Esplendor de todo romance que se espera a poesia
Magia em encontrar pela manhã em raios de Sol em 
céu
Alvorada desta linda namorada da felicidade
Em seus beijos bebo a água que dessedenta o amor
Envolve em seu abraço de plenitude
Designer magnifico desta fêmea linda
Que seja o sempre para o infinito pairar
Devaneios e amor ser adorada por saber amar
Encontra-me em suas verdades deste verossímil do 
amor
Encantando as inspirações da poesia e das canções
Verte seu amor ao espalhar seu canto de Mulher



Helio Ramos de Oliveira
www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br




Sopra o vento com o bucolismo das montanhas
O versejar dos morros com o som das águas
Jorra na fonte mais pura escorrendo por entre as 
fendas
Úmido como um beijo
Preciso como os contos de paixão
A alma se reveste em ocasião das nuvens
Uma tenda inspiradas nas mil e uma noites
Sultão das noites que faz de seu olhar um oásis
Amor que refresca provendo do amago o prazer
Surge aos poucos a intensa alegria
Imagem...
Ser o eterno monte dos uivos desta fantasia
Vivendo do tempo que ressalva o canto
Lua que surge formando um sorriso
Proteção de um manto estrelado de estrelas em céu
Encantos de um Mago em sua poção
Fogueira e magia em um caldeirão
Sortilégio de amor pela vida em uma dança
O brotar resplandece a luz altaneira
Sombras iluminadas que se completam
Ritual de amizade amor e paixão




Helio Ramos de Oliveira

www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

Em sua entrega despe-se de todos os pudores
Seu manto em forma de um vestido que reveste suas 
ânsias
Desliza em seu corpo que quente e voraz deixa-se ver 
nua e crua
Desponta o amor em um incêndio lascivo de este ser
completamente febril
Em toques se desmancha e arrepia-se
Ferve seu sangue deixando a pele rubra e quente
Sente cada toque que percorre em suas fendas úmidas 
desejosas por amar
Repousa em seu ninho a espera do contato
Pele e língua encontrando os desejos e sabores
Apetece a fome em querer a posse continua
Vibra em sons de prazer que se desprende do oculto
formando o grito
Cala com o falo dilatado em sua fenda rósea e quente
Derrama seu prazer deslizando em uma deliciosa 
loucura
Agarra-se com unhas e dentes sentindo-se possuída
Amada e querida pelo sempre e pelo instante
Jorra em um manto alvo e quente deste imenso desejo
Faz da carne o eterno amor por entre os tempos
Sentimentos de amor e desejo que sempre impressa o
romance
Alma que se solta em rodopios de uma valsa
Amamo-nos em plenitude
Entrelaçados estarão pelos caminhos deste mundo
Amo-te mesmo que o sempre seja sempre você
Em nossas entranhas escreveremos nosso pacto do 
eterno
Ser ternura ao beijar seus lábios de poesia
Amada magia que me desponta escrever-te
Linda sempre linda e amada mulher



Hélio Ramos de Oliveira

www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

sábado, 20 de dezembro de 2014


Aparição de suas curvas em sua nudez provincial
Lascividade em suas marcas que a faz singular
Ser a beleza sua maestria em sintonizar seus sons
Gritante amor que exala de seu corpo febril
Em meio à natureza que expande sua alma mulher
Seu sorriso como uma benção divina que acolhe e se 
deixa acolher
Força de sua alma felina que eclode ao nascer o desejo
Em cada parte de seu caminho floresce suas vontades
Atemporal sua estrondosa beleza se faz esplendida e 
única
Charme que envolve e deixa pairando a luxuria
Formas que em sua dinâmica eleva a mente
Sabor de primavera adentrando o verão
Calor e intensões
Ser conduzido em uma dança de nossos corpos
Aprofundar-se no oceano de seus complementos
Nudez que faz aparente sua alma
Quanto prazer em estar tão próximo de você
Verte de meu olhar todo carinho em te acariciar
Sendo tão seu ao ser amor




Helio Ramos de Oliveira

Mulher repleta de magia que conduz o universo
Vestida de fera em posse de seu destino
Maravilhada de suas aventuras que faz do romance seu
encantar
Caminhar de sonhos que a levam ao infinito mais bonito
desejo
Em sua pele a textura mais suave
Alva como as nuvens puras que veste o luar
Um encontro de sedução e lascividade
Fêmea e liberta como Lilith em todo seu resplandecer
Vertem de seu corpo os segredos escritos em seu livro 
das sombras
Encantamento e possessões que transcendem o espirito 
do amor
Dançar em um ritual ao luar vestida de céu
Perfaz a beleza que te faz absoluta
Grande deusa deste ritual de paixão
Vive em seu corpo o calor das intenções
Abrilhanta com seu aroma o prazer de suas formas
Desenho de seus lábios que acendem e faz pulsar
Acolhedora mulher mundo
Fêmea deste coven que irradia sua beleza
Transe que te faz sonhar em amor






Helio Ramos de Oliveira

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014


Ser o cúmplice em todos os momentos que se fez viver 
as fantasias
Servir com um beijo que acaricia suas marcas genuínas
Em sua pele macia morada de seus sentimentos
Ser carinhoso ao atender seus deliciosos pedidos
Atender cada parte de seu corpo em caminhos de sua 
forma
Gosto do saborear e sentir os desejos latentes
Com a macies de sua pele como pêssegos da estação
Deliciar-me de sua epiderme que desenha seu ser
Mulher...
Acariciar seu ser e percorrer por todos seus caminhos
Servir em sua boca a paixão que faz sentir
Cada espaço de seu mundo entre mundos e estaremos
amantes
Em um transe te carregar em fantasias
Saborear suas intenções por entre suas colunas
Buscar com a ponta da língua seu néctar de flor mulher
Sentir e ser sentimento aflorando em sussurros
Por todos os momentos ser o som mais profundo que 
estronda
Ecoar a suplica de nossa paixão em chamas
Explodir em um extasiante momento desta comunhão
Estar presente em ser sua maior aventura
Excitar o ar que se respira é ter no espirito seu sabor
Mulher em toda sua essência e magnitude
Em todas as suas formas e intervenções
Seus lábios que desenham sua boca que saboreia as 
palavras
Paixão...
Prazer...
E amor





Helio Ramos de Oliveira

Boca linda e semblante expressivo
Sedutora mulher com seu olhar de verdades e desejos
Buscar em sua volúpia todas as intenções
Me presenteie-me com sua imagem de pura beleza
Em seus contornos escreve-se sua poesia
Em sua pele sente as intensidade de suas fantasias
Sentir o frescor de sua alma
Maravilhar-se dos sentidos que te faz sonhar
Segredos...
Encantamento que saboreia com o beijo
Passear em seus lábios como em uma dança
Caricias percorrendo sua silhueta perfeita e linda
Entrega de nossos corpos em um transe de paixão
Intensidade de seu toque macio e perfeito
Aroma de seu hálito doce em suplicas de nosso romance
Acende o pulsar do coração que clama liberdade
Em seu colo percorrer com as falanges dedilhando seu 
perfil
Esplendida e lasciva...
Mergulhar em um oceano de seus devaneios
Fazer com que exista o delicioso encontro
Em um vértice de amor mar e ar





Helio Ramos de Oliveira

terça-feira, 16 de dezembro de 2014


Existe em seu olhar o brilho de shangri-lá
A plenitude de seu ser mulher que penetra o divino e 
pagão
Em um ritual de magia e sedução de seu tempero 
felino liberto
Voar em mares de versos que resplandece o viver
Seus contornos erógenos e delicados
Escreve-te linda e suave
Absoluta festa do amor em paixão e devaneios
Como um leque que traz a brisa em saborear seu rosto 
como em um beijo
Segredos desta formosa mulher em seus mais belos 
atributos
Lasciva e tempestiva em uma dança de espirito ao luar
Em um ritual de magia de sua beleza incondicional
Vestida de céu encanta o mundo em seu universo
Som de seu coração que pulsa regendo o fluxo de sua 
vida repleta de aventuras
Em amor e plenitude faz de seu paraíso o aconchego 
em ser mulher
Seu ventre se manifesta em uma apoteótica explosão
Veredas serenas em um caminhar de possessões
Eloquência de tantos vendavais desta poesia
Eclode sua forma sedutora de acariciar
Lábios carregados de toda sua graça
Paixão que derramas de seu verter límpido em amor
Mulher em seu aroma




Helio Ramos de Oliveira

domingo, 21 de setembro de 2014


Com o falo calo a boca
Enche a boca com o explodir do que falo um mar alvo e
tempestivo
Morde os lábios e engole o alimento
Mata a sede e incita o prazer em fúria
Cala e fala sussurrando em gemidos
Lambe a glande do falo entumecido
Colhe a cauda do doce expelido em erosão do sentido
Molha e inunda os vales profundos
Tremores dos montes eriçados e marcantes
Excita o espírito e ferve a carne
Exaustão das delícias de servir-te em cálices de seus 
lábios
Intensivo e imenso o prazer que alimenta e 
dessedenta sua fúria de amor
Falo que te enche a boca
Prazer




Helio Ramos de Oliveira
ISBN 978-85-7923-552-8
Lei de Direito Autoral (nº 9610/98)


www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br

Acalenta meu suplício de amar-te tão loucamente
Abra a janela e venha ver o Sol de mim
Aqueça os sonhos com pitadas loucura
Seja a pureza do ar que penetra em minhas narinas
Deixemos que brotem às orquídeas mais lindas e 
singelas
Dendróbios e Catleyas
Suavidade do beijo lançado no vento
Suavizar o coração com seus beijos instintivos e 
deliciosos
Abriga-me em seu amar
Serei o brotar da loucura
Insanidade com sabor do éter
Renascença




Helio Ramos de Oliveira
ISBN 978-85-7923-552-8
Lei de Direito Autoral (nº 9610/98)


www.helioemramosdeoliveira.blogspot.com.br